sábado, 15 de outubro de 2011

A procura de uma amada


Às vezes choro sozinho,
Por não ter o que chorar,
Por não ter a quem amar,
Por não ter alguém,
Alguém especial a ponto de me fazer sofrer.

Posso ficar com qualquer garota,
Mas nenhuma me encanta,
Aquele encanto do amor,
“como nos contos de fada”...

Eu quero um amor,
Para sentir a dor,
A dor de estar apaixonado.
Mas não a acho.
Estou a procura,
De um amor verdadeiro...

Onde estás,minha amada?
Quero sofrer por ti,
Quero viver por ti,
Quero morrer por ti.

Seja loira,
Seja ruiva,
Seja morena,
Onde estás,minha pequena?

Não consigo dormir à noite,
Tentando te imaginar,
Mas tomara que não demore,
Para eu te encontrar.

Onde estás,minha Cinderella?
Onde estás,minha fada?
Onde estás,minha princesa?
Onde estás,minha amada?


Essa foi o primeiro poema que eu fiz,foi o começo de tudo >.<      faz um tempinho, foi em 2008,quando eu estava na 7ª série.

Nenhum comentário:

Postar um comentário